Fale conosco

Nome *

Telefone

Empresa

E-mail *

Área *

Mensagem *

Repita o código de segurança ao lado *

captcha

Search
1
33.5
18.75
Atlanta, EUA

Sede (Corporativo):

GranAPI LLC
255 Lenox Rd, NE#750,
Atlanta, GA 30326, USA

 

Biorefinarias:

Unidade Thomaston
300 McIntosh Parkway
Thomaston, GA 30286, USA

Unidade Alpena
412 Ford Avenue
Alpena, MI 19707, USA

1
74.75
30.75
São Paulo, Brasil

Sede

GranBio Investimentos S.A.
Av. Brig. Faria Lima, 2277, 15º andar, Conjunto 1503, Jd. Paulistano,
São Paulo, SP, CEP 01452-000, São Paulo, SP
+55 11 2739-0500

1
65.75
32.375
Alagoas, Brasil

Planta Industrial

BioFlex Agroindustrial.
Faz. São João, s/n – Zona Rural
57.249-899 – São Miguel dos Campos – AL – Caixa postal 14

Estação Experimental

Biovertis Produção Agrícola Ltda.
Fazenda Andorinha, Rod. AL 220 s/n, KM 6,5,
São Miguel dos Campos, Zona Rural, AL, CEP 57180-000

Telefones

Sede

+55 11 2739.0500

 

5 de Março de 2018

Aplicativo brasileiro de reciclagem recebe prêmio de inovação

Por GranBio

Aplicativo de reciclagem une catadores de lixo e quem possui materiais recicláveis

O Cataki tem como objetivo unir pessoas que precisam descartar materiais recicláveis e catadores de lixo.

 

Atualmente a tecnologia tem auxiliado a conectar pessoas com base em seus interesses em comum, mas isso pode ir além das conexões atreladas a relacionamentos amorosos e amizade. Os recursos digitais, também tornaram possível a construção de novos projetos com impacto social e ambiental relevantes.

Uma prova de que essa ideia é mais do que possível é o projeto que leva o nome de "Cataki", um app de reciclagem, disponível para Android e iOS, que tem como objetivo unir pessoas que precisam descartar materiais recicláveis e catadores de lixo independentes que estejam disponíveis para transportá-los, fazendo com que o descarte de lixo seja adequado.

Esta tecnologia de incentivo a reciclagem é sem fins lucrativos e os materiais recicláveis inseridos na plataforma podem ser, por exemplo, móveis velhos, artigos eletrônicos antigos, entulho e restos de poda. Além de aumentar a renda dos catadores de lixo, o projeto também gera um enorme benefício ambiental. Afinal, todos os dias o Brasil gera 200 mil toneladas de resíduos e mais da metade desse montante vai parar em aterros, poluindo água, solo e ar.

Segundo informações do grafiteiro ativista Mundano, idealizador do app Cataki, já são mais de 300 catadores registrados em mais de 30 cidades do Brasil. Um ponto importante que deve ser ressaltado é que os coletores de materiais recicláveis não precisam, necessariamente, ter um smartphone sempre consigo. O usuário procura no aplicativo quem estiver mais próximo para fazer o descarte de lixo e tem acesso aos contatos do catador para fazer uma ligação. Hoje, de cada 10 quilos de resíduos reciclados, nove foram coletados por esses agentes ambientais.

E como boas ideias merecem ser reconhecidas, o projeto tem dado tão certo que recentemente foi reconhecido com o prêmio de inovação do Fórum Netexplo, que estuda o impacto da tecnologia na sociedade e nos negócios. O Fórum Netexplo é parceiro da UNESCO desde 2011 e, anualmente, concede essa premiação a projetos tecnológicos de grande impacto.

 

Fonte: G1

 

 

* Os temas publicados neste blog são de curadoria do presidente e CEO da GranBio, Bernardo Gradin.