Fale conosco

Nome *

Telefone

Empresa

E-mail *

Área *

Mensagem *

Repita o código de segurança ao lado *

captcha

Search
1
33.5
18.75
Atlanta, EUA

Sede (Corporativo):

GranAPI LLC
255 Lenox Rd, NE#750,
Atlanta, GA 30326, USA

 

Biorefinarias:

Unidade Thomaston
300 McIntosh Parkway
Thomaston, GA 30286, USA

Unidade Alpena
412 Ford Avenue
Alpena, MI 19707, USA

1
74.75
30.75
São Paulo, Brasil

Sede

GranBio Investimentos S.A.
Av. Brig. Faria Lima, 2277, 15º andar, Conjunto 1503, Jd. Paulistano,
São Paulo, SP, CEP 01452-000, São Paulo, SP
+55 11 2739-0500

1
65.75
32.375
Alagoas, Brasil

Planta Industrial

BioFlex Agroindustrial.
Faz. São João, s/n – Zona Rural
57.249-899 – São Miguel dos Campos – AL – Caixa postal 14

Estação Experimental

Biovertis Produção Agrícola Ltda.
Fazenda Andorinha, Rod. AL 220 s/n, KM 6,5,
São Miguel dos Campos, Zona Rural, AL, CEP 57180-000

Telefones

Sede

+55 11 2739.0500

 

30 de Abril de 2018

Programa de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos ganha nova etapa no estado de São Paulo

Por GranBio

 Estado de São Paulo terá gerenciamento de resíduos sólidos urbanos

A iniciativa da Secretaria Estadual do Meio Ambiente apresentou novo passo do Módulo de Reciclagem do Sistema Estadual de Gerenciamento Online dos Resíduos Sólidos (SIGOR), medida que visa, entre outras coisas, uma melhor destinação do lixo reciclável.

 

A reciclagem no Brasil, assim como a sustentabilidade, são temas em constante debate. Indo nessa mesma direção, recentemente, a Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo apresentou à população uma nova etapa do projeto do Módulo Reciclagem do Sistema Estadual de Gerenciamento Online dos Resíduos Sólidos (SIGOR).

Segundo informações do coordenador de Planejamento Ambiental da secretaria, Gil Scatena, essa nova fase da iniciativa tem como meta gerar informação para definir melhor as políticas públicas do Estado, além de promover uma aproximação entre o Sistema Ambiental Paulista e entidades de catadores de lixo. Com isso, a pasta visa poder oferecer um maior reconhecimento a esses profissionais, responsáveis por auxiliar a gestão de resíduos sólidos urbanos e demandas de reciclagem envolvendo esses materiais.

A nova fase do módulo é direcionada aos municípios, empresas, indústrias e entidades de catadores de lixo. A Secretaria acredita no poder da iniciativa para trazer orientações ao poder público e à iniciativa privada com o objetivo de melhorias aos serviços prestados em relação às soluções ambientais, processos de reciclagem e coleta de lixo.

Além disso, o Sistema Estadual de Gerenciamento Online dos Resíduos Sólidos também pretende funcionar como suporte para implementar sistemas de logística reversa, questão prevista nas políticas nacional e estadual que envolvem o destino de resíduos.

O Secretário Estadual do Meio Ambiente, Maurício Brusadin, foi o responsável por assinar o documento que oficializa a nova fase do programa que envolve melhores práticas sustentáveis para os resíduos sólidos urbanos descartados em São Paulo.

Para que o Módulo Reciclagem funcione como o pretendido pelo governo, é preciso entender onde são as áreas de atuação das entidades de catadores de lixo e como elas trabalham (estruturas, grau de formalização e organização). Para dar início ao processo, as instituições presentes ao evento oficial já iniciaram o cadastramento.

Segundo dados levantados pelo programa, 30% dos resíduos sólidos urbanos são recicláveis.

 

Fonte: Governo de SP

 

→ Os temas publicados neste blog são de curadoria do presidente e CEO da GranBio, Bernardo Gradin